Câmara de Assaré aprovaprojeto para compra de vacinas

Câmara de Assaré aprovaprojeto para compra de vacinas

A Câmara Municipal de Assaré aprovou, nes-ta quinta-feira (18 de Março), o projeto que autoriza o município de Assaré a fazer parte do consórcio para compra de vacinas de combate ao coronavírus, medicamentos, insumos e equipamentos para a área de saúde. A informação foi confirmada pelo presidente do Poder Legislativo de Assaré, Sargento Celso, em redes sociais. De acordo com o vereador, o projeto 008\2021 foi aprovado por unanimidade em sessão extraordinária.

A medida, conforme defendeu Celso ao apresentar o projeto, se destina a contribuir para agilizar a imunização da população e se ampara em decisão recente do Supremo Tribunal Fede-ral (STF) quando atendeu à Ação Direta de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) apresentada pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A Suprema Corte lembrou a obrigação federal para fornecimento de vacinas, mas também reconheceu a competência dos municípiospara compra de imunizantes quando houver descumprimento do Plano Nacional de Imunização (PNI) ou insuficiência de doses para a população.

Drive-thru

A Secretaria de Saúde (SMS) de Assaré ampliou o grupo prioritário que está recebendo a vacina contra o novo Coronavírus. A partir desta quarta-feira, 24, idosos com 70 anos ou mais, receberam a primeira dose no sistema drive-thru e de forma presencial. O local escolhido pelo município para a imunização dessa nova faixa etária de idosos foi a Escola Batistina. Para o prefeito de Assaré, Libório Leite, a nova classe prioritária é mais um passo para o município sair da pandemia. “Começar vacinar pessoas acima de 70 anos é uma boa notícia, nos coloca à frente de muitos municípios e traz um pouco de alivio. É mais uma vitória na luta contra a covid-19”, destacou o prefeito Libório Leite ao informar que foram disponibilizadas 900 doses da vacina AstraZeneca. Segundo o gestor, o município se prepara para novas etapas de vacinação.